QUINTA, 17 de Outubro 2019: Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado

13 de junho de 2011

INTRANQUILIDADE E DESRESPEITO: ONDE ESTÃO NOSSAS AUTORIDADES?


Está cada vez mais difícil para os massapeenses se entenderem aqui nos finais de semana. Nos banquinhos das praças, nas igrejas, nas residências e nos estabelecimentos comerciais é muito difícil a comunicação entre as pessoas.

Tudo por conta de veículos de propagandas postarem aparelhos de sons infernais numa poluição sonora e nojenta atrapalhando e conturbando o diálogo, além de tirarem o sossego de idosos e doentes.  

Se não bastasse o barulho contundente e extremamente agressivo aos nossos tímpanos, com carros e motos de propagandas, ainda temos que suportar a inquieta corja que chega a abrir porta-malas/porta-ruídos de seus carros defronte às calçadas de bares onde costumamos sentar.

Aliás, qualquer massapeense observador mais atento verifica que a difusão deste  problema perdura há muito tempo na cidade, e basicamente ninguém faz nada. A polícia de Massapê, através do sargento Johnson ainda procura manter a ordem, reprimindo(conversando e pedindo com carinho) donos de carros de sons parados frente aos bares. Infelizmente, o nosso contingente policial é pouco, bastante reduzido para atender a uma demanda de quase 35 mil habitantes.

Em Massapê, quase sempre, a lei é desrespeitada. Esta turma desconhece seus limites. As autoridades não aplicam leis necessárias para coibir tal abuso. Uma cabecinha desmiolada que comete tais desvarios, deve saber parar para pensar e repensar no malfeito, e corrigí-lo.

Não estamos aqui querendo que se proíba o uso de propagandas e nem estamos contra os que têm seus paredões de som, mas pelo menos tentem baixar o volume de som nos espaços e recantos públicos, em nome da lei e em respeito as pessoas.

Por desenvolver este blog para milhares de leitores espalhados pelo Brasil e mundo afora, exigimos rigor em cumprimento às leis no município,  e em qualquer parte que se faça necessário.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário