7 de dezembro de 2016

EM MEIO À CRISE INSTITUCIONAL, JUIZ SORRINDO COM POLÍTICOS TUCANOS PROVOCOU POLÊMICA NA INTERNET

Sérgio Moro, que nas manifestações tingidas de verde e amarelo já ganhou a alcunha de Super-Moro, agora é o Brasileiro do Ano na Justiça. Na noite de terça-feira ele recebeu o prêmio da revista Istoé, em cerimônia realizada em São Paulo. Não foi a primeira honraria concedida ao magistrado de primeira instância, responsável pelos processos da Operação Lava Jato que tramitam em Curitiba. Mas talvez tenha sido a mais polêmica: em certo momento, o juiz foi fotografado conversando animadamente com o senador tucano Aécio Neves (PSDB), sorrisos estampados na face. Completam o retrato, sentados à frente dos dois, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, o governador de São Paulo, o também tucano Geraldo Alckmin e o presidente Michel Temer. E tudo isso em meio ao caos institucional que se instaurou em Brasília com o senador Renan Calheiros (PMDB –AL desafiando o Supremo Tribunal Federal.

Sérgio Moro Super-Moro, agora é o Brasileiro do Ano na Justiça. Na noite de terça-feira ele recebeu o prêmio da revista Istoé, em cerimônia realizada em São Paulo. Não foi a primeira honraria concedida ao magistrado de primeira instância, responsável pelos processos da Operação Lava Jato que tramitam em Curitiba. Mas talvez tenha sido a mais polêmica: em certo momento, o juiz foi fotografado conversando animadamente com o senador tucano Aécio Neves (PSDB), sorrisos estampados na face. Completam o retrato, sentados à frente dos dois, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, o governador de São Paulo, o também tucano Geraldo Alckmin e o presidente Michel Temer. E tudo isso em meio ao caos institucional que se instaurou em Brasília com o senador Renan Calheiros (PMDB) desafiando o Supremo Tribunal Federal.

Nas redes sociais a imagem viralizou, e deu munição para aqueles que criticam a Lava Jato e Moro por não investigarem os escândalos tucanos com o rigor dedicado aos crimes de petistas. Aécio, por exemplo, foi citado em delações de executivos da Odebrecht e da OAS, além de ter seu nome envolvido em escândalos como o de Furnas. Em um grampo telefônico divulgado pela Justiça, o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado chegou a afirmar que caso a Lava Jato continuasse avançando "o primeiro a ser comido vai ser o Aécio". Em todos os casos ele alega inocência, e os processos se arrastam no Judiciário. Não ajudou a causa do juiz o fato de logo à sua frente estar sentado Temer, cujo partido, repleto de políticos na mira da Justiça, é um dos maiores interessados em desmantelar a investigação comandada pelo juiz. Ou nas palavras do peemedebista Romero Jucá, “estancar essa sangria”.
(El Pais)

ADEUS RÉGIS ALBUQUERQUE! DESCANSE EM PAZ

Lamento com profunda tristeza e consternação o falecimento do amigo Régis Albuquerque. Um cidadão com todas as letras: bom pai, bom esposo, um filho exemplar. Neste momento que a tristeza remove lembranças e eterniza saudades, externamos à família os nossos mais sinceros votos de condolências pela perda irreparável, na convicção de que Régis jamais sairá do coração e memória de todos nós.

6 de dezembro de 2016

REUNIÃO DITARÁ OS RUMOS DO FUTURO PRESIDENTE DA CÂMARA DE MASSAPÊ

Bancada dos 13 vereadores eleitos para o quadriênio 2017/2020
O biênio legislativo 2017-2018 ainda nem começou, mas a disputa para ocupar o cargo de presidente da Câmara de Vereadores de Massapê já ganhou um acalorado debate entre os edis da situação e oposição.

Como se sabe, os vereadores eleitos da Coligação ‘Massapê no Caminho Certo’, comandada por Antonio José e Zezinho Albuquerque, elegeu 7 vereadores no último pleito eleitoral; enquanto que a coligação ‘Unidos para Vencer’, comandada por Jacques e Nilson Frota, elegeu 6.

Três vereadores do grupo político de Zezinho caminham para o segundo mandato no legislativo: Adriano Albuquerque, Luiz Carlos e Carlos Michel. O primeiro já é presidente eleito por dois períodos e os dois últimos almejam chegar à presidência. Comenta-se nos bastidores que os três estão no páreo, com tendências para Luiz Carlos Carneiro e Michel Tomaz. Tudo vai depender da conversa que vai acontecer agora em dezembro, em Sobral, com data ainda a ser marcada, entre Zezinho Albuquerque, Antonio José e os seus vereadores. 

Fui informado por um vereador eleito do grupo de Jacques e Nilson que, após uma semana à diplomação, haverá um encontro entre os vereadores e o prefeito eleito para discussão ao tema, e por fim chegar ao consenso do nome a ser indicado para “brigar” pela presidência do legislativo.

Segundo um parlamentar, que pediu para seu nome não ser identificado nesta matéria, quem vai fazer a presidência da Câmara é o Zezinho Albuquerque. “Se o presidente da Assembleia não tivesse sido reeleito, o grupo dele não faria o próximo presidente. Como logrou êxito no último 1º de dezembro, terá todas as condições de fazer o presidente do legislativo massapeense.

Antes, muito mesmo de Zezinho ser reeleito, os sete vereadores apregoavam união entre eles, embora aqui acolá um e outro tenha assumido o desejo de ser logo presidente nos dois anos seguintes.

Um dos pretensos candidatos à presidência da Câmara do grupo Albuquerque de verdade disse ter conversado com a maioria dos vereadores eleitos, inclusive com os da atual oposição. “Peço o voto, promessa a gente tem, mas sabemos que é uma eleição em que as coisas mudam. A disputa está em jogo como dever ser”, afirmou.
              

5 de dezembro de 2016

OBRIGADO SEMINARISTA, LUCAS BARBOSA!

Lucas Barbosa em 24/11/2016 10:04
IP: 186.225.40.139
Como Seminarista e Filho de Massapê, gostaria de saudar na pessoa do sr. Aldênis Fernandes, todos os novos cidadãos massapeenses, de maneira especial ao reverendíssimo padre Nonato, hoje pároco em Senador Sá, e pelo nosso bispo Dom. Vasconcelos. Sem dúvida essa homenagem é merecida a ambos pelos serviços prestados a toda comunidade paroquial e municipal. Embora seja um título simbólico, é uma homenagem e expressão de carinho e reconhecimento do povo massapeense a esses homens de Deus.

Agradecemos a mensagem do jovem seminarista e leitor do blog Massapê no Caminho da Notícia, postada em nosso mural de recados. Valeu!

MP MANIFESTA EM DOCUMENTO 'PREOCUPAÇÃO' COM PROJETO DO ABUSO DE AUTORIDADE

O Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e os procuradores-gerais do Ministério Público dos estados assinaram nesta segunda-feira (5) uma declaração na qual manifestam preocupação com a discussão, no Congresso, de alterações na Lei de Abuso de Autoridade.

O documento foi aprovado nesta segunda-feira (5) durante sessão extraordinária do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

O Senado votará um projeto de lei sobre o assunto, para o qual já foi aprovado requerimento de urgência, e a Câmara aprovou uma emenda ao projeto de medidas contra a corrupção cujo objetivo é punir juízes, promotores e procuradores por fatos que os deputados apontam como excessos em investigações.

No documento dos procuradores, intitulado "Declaração de Brasília", os integrantes do Ministério Público dizem esperar que o Congresso encontre " com equilíbrio e ponderação, alternativas que correspondam aos legítimos anseios da sociedade".

Íntegra
Leia a íntegra da declaração aprovada pelos procuradores na reunião do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).
DECLARAÇÃO DE BRASÍLIA
Os Procuradores-Gerais, reunidos extraordinariamente em Brasília/DF, manifestam preocupação quanto à urgência aprovada, pelo Senado Federal, para tramitação do PLS 280/2009, e à aprovação, pela Câmara dos Deputados, do assim chamado crime de abuso de autoridade por membros do Ministério Público e do Poder Judiciário, dentre outras medidas não conducentes à melhoria do sistema punitivo brasileiro.
Reforçam, ainda, a necessidade de ser preservada a independência de atuação do Ministério Público e do Poder Judiciário, como elemento essencial do Estado Democrático de Direito, de modo a assegurar as garantias fundamentais previstas na Constituição.
Confiam que o Parlamento encontrará, com equilíbrio e ponderação, alternativas que correspondam aos legítimos anseios da sociedade e caminhem para o aperfeiçoamento do sistema jurídico de responsabilização de agentes públicos.
O Ministério Público brasileiro expressa, finalmente, que é favorável ao aperfeiçoamento da Lei de Abuso de Autoridade de 1965, colocando-se à disposição para colaborar com o Congresso Nacional, mediante diálogo construtivo.
Brasília/DF, em 5 de dezembro de 2016.
(G1)

PESQUISAS MOSTRAM SENTIMENTO DE DECEPÇÃO COM O GOVERNO TEMER

Segundo informações de Lauro Jardim de O globo desta semana, o “Palácio do Planalto recebeu pesquisas qualitativas indicando que na semana retrasada o nível de aprovação do governo chegou ao seu pior momento desde a posse. O ponto mais relevante é o sentimento de decepção. Em suma, a popularidade, que já não era boa, nunca esteve tão ruim. As mesmas pesquisas, contudo, revelam que o caso Geddel passou praticamente em brancas nuvens para o povão: ali, o que conta é o bolso vazio”.

2 de dezembro de 2016

APÓS O RESULTADO DE 27 A 18, AMIGOS E CORRELIGIONÁRIOS DE ZEZINHO ALBUQUERQUE "EXPLODEM" DE ALEGRIA

As atenções do Ceará inteiro se voltaram para a Assembleia neste 1º de dezembro de 2016. Era a eleição mais concorrida de todos os tempos para a escolha do Presidente daquela Casa, para gerir os destinos do Legislativo por mais 2 anos.

De um lado, Sérgio Aguiar que, no começo, disse ser candidato mais de forma despretensiosa, mas no final veio ganhar fôlego quando obteve os apoios de Eunício Oliveira, Tasso Jereissati, Capitão Wagner, Roberto Pessoa e Domingos Filho.

Do outro, o massapeense Zezinho Albuquerque, já presidente, nunca escondeu o desejo de ir para a reeleição. Precisos, metódicos, articuladores e que sabem fazer política, Camilo Santana, Cid e Ciro Gomes partiram para cima de corpo e alma. Aliados a Zezinho Albuquerque, sereno, equilibrado, comedido, correto, racional e construtivo na vida pública ganharam a eleição.

O blog Massapê no Caminho da Notícia foi pra dentro da Assembleia. Um marco na história ficou registrado nos Anais da Assembleia Legislativa: Primeiro que nunca tinha acontecido um deputado ser eleito três vezes consecutivas, Zezinho conseguiu. Segundo, nunca se viu tanta gente naquela Casa legislativa. Parecia o Ceará inteiro todo lá.

Depois que o deputado estadual Zezinho Albuquerque (PDT) foi reeleito presidente por 27 votos a 18, a Assembleia explodiu de alegria, Massapê pegou fogo. Era alegria para todos os lados: os verdadeiros defensores, os grandes amigos, os sinceros militantes e correligionários de Zezinho comemoraram e ainda estão comemorando ao estilo de muitos fogos de artifícios, buzinar de motos e carros, e outras maneiras de manifestações com a vitória. Enquanto do outro lado, parte da oposição, aquela raivosa, odiosa, rancorosa e execrável que torcia contra o seu próprio conterrâneo, declinou-se à sua própria insignificância e não fez mais nada. 

No seu discursou de quase 12 minutos, e o blog apresenta com exclusividade, Zezinho Albuquerque falou do aprendizado ao longo desses anos no comando do Legislativo e agradeceu os apoios recebidos, inclusive do PMDB. 

"Por Justiça - disse o parlamentar, quero começar agradecendo pelos anos todos de convivência fraterna, pelas lições preciosas de sabedoria e vivência política, pela camaradagem e solidariedade nas horas de amargura e também pelo calor da amizade nas horas de alegria vividas em sete mandatos nesta Casa", exprimiu emociado.

O filho de Massapê destacou a boa imagem que a Casa tem mantido, apesar em meio à crise política e econômica. O Presidente da Assembleia ratificou a disposição de consertar alguns erros e falhas que possam cometido ao longo dos últimos quatro anos frente aquele Poder. "Amigos massapeenses, povo do Ceará, sobretudo queridos deputados, é isto o que eu posso oferecer em troca de meu humilde pedido pelos seus honrados votos, a mim não vai faltar equilíbrio, serenidade, administrar para todos, zelar pelo diálogo e pela paz em nosso Estado em um momento tão difícil do nosso País", manifestou.

Depois do fim da votação, e em meio à multidão, todos queriam ser clicados com o presidente da Assembleia. 

Finalmente, falando um pouco do perfil do novo presidente da Assembleia: Zezinho Albuquerque, cearense de Massapê, nasceu em 19 de março de 1966. Além de político, é empresário. Tem 7 mandatos seguidos. Foi eleito pela primeira vez em 1990, reeleito em 1994, 1998, 2002, 2006, 2010 e, em 2014. Foi 1º secretário, Foi eleito presidente para o biênio 2013-2014; reeleito novamente para o biênio 2015-2016; e, agora, eleito novamente para o biênio 2017-2018.

Chapa eleita biênio 2017-2018:
Presidente: Zezinho Albuquerque (PDT)
1º vice-presidente: Tin Gomes (PHS)
2º vice-presidente: Manoel Duca (PDT)
1ª secretário: Audic Mota (PMDB)
2º secretário: João Jaime (DEM)
3º secretário: Júlio César Filho (PDT)
4ª secretária: Augusta Brito (PCdoB)
1º suplente: Robério Monteiro (PDT)
2º suplente: Ferreira Aragão (PDT)
3º suplente: Bruno Pedrosa (PP)

30 de novembro de 2016

ZEZINHO ALBUQUERQUE NA LUTA PELA PRESIDÊNCIA DA ASSEMBLEIA COM O APOIO DO GOVERNADOR E DA FAMÍLIA FERREIRA GOMES

Em meio às discussões envolvendo a eleição da Assembleia Legislativa para a escolha do futuro presidente daquela Casa, haverá ruptura no grupo político comandado pelo governador Camilo Santana e os irmãos Ferreira Gomes, com o ex-governador Domingos Filho, e atualmente conselheiro do TCM. 

A denúncia direta contra o Tribunal de Contas dos Municípios feita pelo prefeito eleito, Ivo Gomes (PDT), é uma prova insofismável de que, após o resultado do pleito na Assembleia, o rompimento estará feito.

Como citei no título da matéria aqui no blog Massapê no Caminho da Notícia: IVO GOMES RASGOU O VÉU DA IMORALIDADE, EM SUA PÁGINA NO FACEBOOK. Na oportunidade, ele disse que estava acontecendo uma ‘intervenção’, patrocinada por conselheiros daquele órgão, na eleição da Mesa Diretora da Assembleia legislativa marcada para as 11h da manha desta quinta-feira, 1º de dezembro. 

Ivo foi além ao expor que “magistrados pertencentes ao Tribunal de Contas estavam  interferindo acintosamente na sucessão da Presidência da Casa, onde prefeitos honestos estariam sendo ameaçados e prefeitos picaretas sendo perdoados, em julgamentos das contas em municípios, em troca de manobras políticas”, admitiu.

A prova inconteste do rompimento do governo e da família Ferreira Gomes com Domingos Filho está às vistas, dada à consistência da exoneração de cargos indicados pelo conselheiro do TCM, tanto na Prefeitura e no governo do Estado, de onde vem mantendo correligionários, há algum tempo.

Como bom massapeense, filho desta terra, e reconhecedor dos relevantes serviços prestados por Zezinho Albuquerque à coletividade cearense, principalmente a Massapê; torcemos muito para que ele continue por mais dois anos conduzindo os trabalhos na presidência da Assembleia Legislativa. 

Ele merece, o Ceará merece!

IVO GOMES RASGA O VÉU DA IMORALIDADE EM SUA PÁGINA NO FACEBOOK

O deputado estadual e prefeito eleito de Sobral, Ivo Gomes, fez grave denúncia contra o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), em sua página no Facebook nesta terça-feira (29). No texto, Ivo Gomes chama atenção para uma ‘intervenção’, que estaria sendo patrocinada por Conselheiros do TCM, na eleição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa marcada para as 11h da manhã desta quinta-feira, 1º de dezembro.

" Estou me preparando pra deixar a Assembleia Legislativa, depois de 14 anos. Saio triste pq saio no pior momento dela. Saio no momento em q magistrados pertencentes ao Tribunal de Contas dos Municípios - q tem por obrigação mínima a imparcialidade e a distância da política - interferem acintosamente na sucessão da Presidência da casa da qual ainda sou parte. Prefeitos honestos ameaçados, prefeitos picaretas sendo perdoados.

Desde q a decisão agrade aos deputados q apoiam candidaturas de interesse dos magistrados. Tal qual Brasília, tudo acontecendo na cara da freguesia."

A declaração que soa como um “circo de horrores” à imparcialidade, à honestidade e ao sentimento de justiça insinua que está havendo interferência política de Conselheiros à deputados estaduais no julgamento das contas em municípios, em troca de manobras políticas.
Via blog Wilson Gomes
Postagens mais antigas Página inicial