Terça, 19 de Setembro 2017: Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado

2 de março de 2017

TRE LANÇA PROGRAMA DE PARCELAMENTO DE MULTAS ELEITORAIS

Em um período de crise e de dificuldades financeiras, o TRE do Ceará lançou seu programa de parcelamento de multas eleitorais, 

Quem não votou e não justificou a ausência do voto em até 60 dias após o dia da eleição ficará em débito com a Justiça Eleitoral, o que impede o eleitor de:

– Requerer passaporte ou carteira de identidade;
– Receber salário de entidades públicas ou assistidas pelo governo;
– Fazer parte de concorrência pública ou administrativa em qualquer instituição da União, dos estados, dos municípios ou do Distrito Federal;
– Solicitar empréstimos em qualquer banco ou estabelecimento de crédito subsidiado pelo governo;
– Inscrever-se em concursos públicos ou tomar posse de cargos públicos;
– Renovar matrícula em qualquer instituição de ensino pública ou fiscalizada pelo governo;
– Requerer qualquer documento que necessite da quitação eleitoral.

Caso o eleitor não vote durante três eleições consecutivas e não justifique nem pague as multas, o seu título de eleitor será cancelado, devendo regularizar a situação para poder votar outra vez. Se depois de seis anos a situação não é regularizada, o cadastro eleitoral da pessoa em questão é eliminado.
(Via TSE)
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário