28 de junho de 2016

PERÍCIA CONCLUI QUE DILMA NÃO TEVE PARTICIPAÇÃO NAS PEDALADAS FISCAIS

A comissão do impeachment, no Senado, recebeu o resultado da perícia nos documentos do processo. Os técnicos concluíram que as chamadas pedaladas fiscais não tiveram a participação da presidente afastada - mas foram ilegais.

Concluíram também que os decretos suplementares foram resultado de ação direta de Dilma Rousseff.

Um incêndio numa subestação da companhia energética de Brasília - bem atrás do Congresso - suspendeu a sessão. O fogo provocou um apagão na Esplanada e quem estava no Senado teve que sair.

Das três testemunhas de defesa da presidente afastada Dilma Rousseff, só um conseguiu terminar: o ex-ministro Patrus Ananias. Os outros dois serão ouvidos nesta terça-feira (28) e quarta-feira (29). Mas o assunto na comissão do impeachment foi mesmo o resultado da perícia pedida pela defesa de Dilma.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário