Quinta, 17 de Agosto 2017: Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado

16 de novembro de 2015

GLOBO DEMITE JORNALISTA POR SER CONTRA PAUTA QUE DIRETAMENTE CRITICAVA A PRESIDENTE DILMA

Um dia antes de ser demitido da GloboNews, onde estava desde 1997, o jornalista Sidney Rezende, um dos fundadores da rádio CBN, fez críticas graves ao jornalismo praticado no Brasil. Em um texto intitulado “Chega de notícias ruins”, publicado em seu perfil no Facebook e em um blog pessoal Rezende argumentou que notícias positivas estão fora da pauta da mídia e lamentou: “Se pesquisarmos a quantidade de boçalidades escritas por jornalistas e ‘soluções’ que quando adotadas deram errado daria para construir um monumento maior do que as pirâmides do Egito. Nós erramos. E não é pouco. Erramos muito.”

Para Rezende, há uma má vontade generalizada de repórteres que se especializaram em política e economia, cuja obsessão é ver no Governo o demônio, “a materialização do mal, ou o porto da incompetência”. Para ele, essa situação está sufocando a sociedade e engessando o setor produtivo”.

A demissão de Rezende foi anunciada na sexta-feira (13). “Relações profissionais podem ser interrompidas, sem que isso signifique que não possam ser retomadas mais adiante. A Globo só tem elogios à conduta profissional de Sidney, um jornalista completo'', informou a emissora em nota.

O texto que Rezende publicou é do dia 12, e destaca que “uma trupe de jornalistas parece tão certa de que o impedimento da presidente Dilma Rousseff é o único caminho possível para a redenção nacional que se esquece do nosso dever principal, que é noticiar o fato, perseguir a verdade, ser fiel ao ocorrido e refletir sobre o real e não sobre o que pode vir a ser o nosso desejo interior. Essa turma tem suas neuroses loucas e querem nos enlouquecer também”.
Acompanha na integra, via  blog Massapê Indo e Voltando a queixa de Sidney Rezende
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário