Terça, 17 de Outubro 2017: Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado

10 de setembro de 2015

RESPOSTA À INFORMAÇÃO MENTIROSA ESCRITA EM REDE SOCIAL

Só hoje chegou ao nosso conhecimento uma publicação em rede social feita no dia 8 de setembro de 2015, às 14h36, pelo senhor Edvar Júnior, na qual afirmou que “universitários massapeenses teriam sido impedidos de utilizar o espaço da Tribuna da Câmara, numa tentativa feita à secretaria desta Casa”. Assim, devido à quase desesperada investida de querer desqualificar e questionar o trabalho realizado pelos eficientes funcionários da secretaria desta Augusta Casa, sob a responsabilidade do chefe de Gabinete, Aldênis Fernandes, venho esclarecer à população massapeense, sobretudo a de bom senso, o seguinte:

1. Nesta semana, em horário de expediente e atendimento ao público, das 8h às 13h, e às quartas-feiras o dia todo até o encerramento das sessões, não compareceu nenhum estudante universitário para realizar qualquer tipo de inscrição na tribuna;

2. A pessoa que vier à Casa do Povo tem espaço reservado e é bem recebido, inclusive será concedido o uso da tribuna livre a qualquer cidadão, previamente inscrito, em livro próprio até quatro horas que anteceda a sessão. É um direito assegurado no Regimento Interno no Art. 137 § 3º, inserido em sessão do Grande Expediente; 

3. É de se estranhar a publicação do senhor Edvar Júnior sobre o assunto em voga, que tudo leva para o lado político, quando deixa de se comunicar conosco para saber das informações verídicas; 

4. Como sempre, o senhor Edvar Júnior está mal informado. Ele me conhece, tem meu telefone, sempre estar presente às sessões às quartas-feiras e poderia ter nos procurado para saber a verdade;

5. Você pode até ser um crítico à administração desta Casa, mas seja justo, leal e não caia nessa de se emprenhar pelos ouvidos. Parece-me que o Edvar Júnior está sofrendo um tipo de transtorno delirante ao desvirtuar uma informação não checada. Isso se chama loucura. Alguém pode estar se dando bem e usando-o para passar informações errôneas;

6. Enfim, diante dos fatos, solicitaria que você, Edvar Júnior, apresentasse os nomes dos universitários que, nesta semana, vieram à Câmara ou a chefia de Gabinete, pedir espaço para inscrição na tribuna; podendo vir com os mesmos pessoalmente até a mim. Se não, terei o argumento de chamá-lo mentiroso e ainda sob pena de responder por crime de injúria.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário