Domingo,17 de dezembro 2017: Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado

25 de setembro de 2014

IBOPE REALIZA PENÚLTIMA PESQUISA, ANTES DAS ELEIÇÕES, E APONTA EMPATE TÉCNICO ENTRE CAMILO E EUNÍCIO


Diz o relatório do Ibope, na terceira pesquisa de intenção de voto para o Governo do Ceará, contratada pela Televisão Verdes Mares, que “a vantagem de Eunício sobre Camilo diminui e considerando a margem de erro da pesquisa, que é de 3 pontos percentuais, neste momento ambos estão tecnicamente empatados”. Eunício Oliveira (PMDB) tem 43% contra 38% de Camilo Santana (PT). Eliane Novais (PSB) tem 3% e Ailton Lopes (PSOL) 1%.

Em relação à pesquisa anterior, publicada no dia 4 de setembro último, o candidato Eunício subiu um ponto e Camilo ganhou 4. O Ibope entrevistou 1204 eleitores entre os dias 21 e 23 deste mês, em 61 municípios cearense, segundo registro feito no Tribunal Regional Eleitoral sob o nº CE-00024/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral sob o nº BR-00764/2014. O nível de confiança é de 95% e a margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Os eleitores cearenses também se manifestaram sobre a disputa pela vaga de senador e sobre suas preferências na disputa presidencial. Para o Senado, Tasso Jereissati (PSDB) subiu de 55% para 57%, enquanto Mauro Filho (PROS) subiu de 21% para 24%. Já em relação à sucessão presidencial, Dilma Rousseff (PT) subiu de 56% para 61%, enquanto sua principal concorrente neste Estado, Marina Silva (PSB) perdeu 6%, saindo de 25% para 19% (confira as tabelas na página 14).

Nesta terceira pesquisa sobre a sucessão estadual o peemedebista Eunício oscila 1 ponto percentual para mais e tem hoje 43% das menções, enquanto o petista Camilo cresce de 34% para 38%. Os candidatos Eliane Novais e Ailton Lopes têm, respectivamente, 3% e 1% das intenções de voto. Aqueles que têm intenções de votar em branco ou nulo representam 7% do eleitorado cearense e os indecisos passam de 10% para 8% (veja as tabelas ao lado).

Camilo tem seu maior percentual de intenções de voto, diz o relato do Ibope, “entre os eleitores que cursaram da 5ª a 8ª série (43% - crescimento de 8 pontos percentuais em comparação com a segunda pesquisa). Além disso, também se destaca entre os eleitores com renda familiar entre 1 e 2 salários mínimos: vai de 34% para 39% das menções”.
(DN)

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário