QUINTA-FEIRA, 27 DE JULHO: AQUI ESTÃO AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS PARA VOCÊ COMEÇAR O DIA BEM-INFORMADO

30 de outubro de 2012

VIA E-MAIL, BLOG RECEBE DENUNCIA DE LEITORA

O blog Massapê Indo e Voltando recebe, via-email, um desabafo de uma pessoa das iniciais M.R.N.S, cuja leitora faz um relato do atendimento realizado no Hospital Senador Ozires Pontes. Veja:


Bem diferente do que eles falam
É uma grande falta de respeito para com o ser humano a situação
que se encontra o hospital de Massapê. Um grande descaso, sujeira, falta de medicamentos, falta de médicos, enfermeiras abusadas, descuidadas, situação bem diferente daquilo que foi divulgado nos programas pago pela prefeitura e principalmente falado no programa eleitoral do PSDB de Massapê. Será que oito anos, ou melhor 16, não foram suficientes para melhorar a situação do hospital e dos postos de saúde? Não se trata de luxo, mas de higiene e de tornar o hospital um local agradável, de bom atendimento e de pessoas mais educadas. Espera-se que o próximo gestor Antonio José possa mudar tudo isso e melhorar o atendimento e que os próximos profissionais sejam educados e atendam bem as pessoas. Afinal de contas, quem ganha o seu dinheiro e trabalha em coisa pública é para tratar bem os pacientes ou quem quer que seja. Aldenis, obrigado e espero que o Sr. divulgue no seu precioso espaço de informação
M.R.N.S

RENOVAÇÃO GERAL

Eleições de 2012 resultam em mais partidos, menos reeleições e novos atores nas 85 maiores cidades, em paralelo com economia fraca

Os resultados de domingo confirmaram aquilo que já se desenhava desde o primeiro turno: são claros os sinais de desgaste da polarização PT x PSDB, que desde 1994 organiza a disputa presidencial.

Verdade que as eleições nas cidades sempre guardam certa distância dos embates nacionais e costumam abrir espaço até para os menores partidos. Negociações de âmbito local e regional tendem a prevalecer, e não raro coalizões e oposições no plano federal terminam esquecidas, se não invertidas, no municipal.

O pleito deste ano, além disso, registrou aumento considerável da fragmentação política nas 85 maiores cidades do país, que elegeram candidatos de 16 partidos - contra 11 em 2008. Consolidou, ainda, a ascensão de duas forças capazes de exercer papel mais destacado na eleição presidencial de 2014.

A primeira é o PSB. O partido encabeçado por Eduardo Campos, governador de Pernambuco e  liderado pelo governador Cid Gomes/CE, é o que mais cresceu desde 2008 entre as principais legendas. Venceu no maior número de capitais (cinco) e vai administrar 11 dos 85 maiores municípios (eram cinco em 2008).

A outra é o PSD. A agremiação criada por Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo, debutou em eleições levando quase 500 cidades, incluindo quatro entre as 85 maiores e uma capital. O sucesso, porém, foi anuviado pela derrota da situação na arena paulistana.

Quanto ao PT, o saldo é positivo graças à capital paulista, única de relevância que a sigla conquistou. A vitória de Fernando Haddad assegura ao partido uma fatia importante do eleitorado. As derrotas em Belo Horizonte, Recife, Fortaleza e Salvador, entretanto, são particularmente amargas.

O PSDB, sobretudo por São Paulo, sai das eleições menor do que entrou. Seus principais trunfos foram no interior paulista e mineiro, além de Manaus, onde venceu Arthur Virgílio, desafeto de Lula.

Ao lado da fragmentação, o outro signo da eleição foi o alto índice de renovação. Das 85 maiores cidades, a oposição saiu vencedora em 50 - um aumento de 56% em relação a 2008.

Nas capitais, dos oito prefeitos que concorreram à reeleição, quatro (50%) tiveram êxito; em 2008, dos 20 que tentaram, 19 se reelegeram -taxa de sucesso de 95%.

Não há de ser mera coincidência que, em 2008, o PIB tenha crescido perto de 7% e, agora, patine em torno de 1,5% (o crescimento médio anual de 2005 a 2008 foi de 4,6%, contra 2,8% de 2009 a 2012).

Se são diferentes os atores e a lógica que atuam nas eleições municipais e presidenciais, a economia pesa tanto para as cidades quanto para o país inteiro.
Colaboração Folha Uol

29 de outubro de 2012

ESTÁ NO BLOG SOBRAL DE PRIMA: "DEPUTADO ZEZINHO ALBUQUERQUE NA PRESIDÊNCIA DA ASSEMBLEIA"

Com a vitória de Roberto Cláudio (PSB) se tornando prefeito de Fortaleza, a partir de janeiro de 2013, o atual 1° Secretário da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PSB) deve ser o ungido pelos seus pares e com o apoio de Cid Gomes (PSB) presidente do legislativo cearense, a partir de 1° de fevereiro, dia da eleição para nova Mesa Diretora da Casa.


Em tempo: Sobral que já tem um governador (Cid Gomes) agora terá um filho de Massapê (Zona Norte), o deputado Zezinho Albuquerque (PSB) liderando um dos poderes mais importantes do Estado.

POLÍTICA: “PARA JOGAR COM CID GOMES TEM QUE SER PROFISSIONAL”

Cid Gomes entre Antonio José e Zezinho, em Massapê. Foto do nosso blog
O político Cid Gomes não brinca de fazer política, é profissional dela. Quando Cid se licenciou do governo para comandar efetivamente a campanha de Roberto Cláudio (PSB) entrou em cena o “cara” que reconhece as dificuldades, demonstra tranquilidade, mas que está ligado em todos os movimentos da política detalhadamente.

Falando futebolísticamente – sabe a hora da bola – todos os riscos são calculados e todas as metas são buscadas. Cid Gomes (PSB) conhecedor da forte militância do PT, a mesma que elegeu Luizianne (PT) por duas vezes, se mobilizou e mobilizou seus aliados.

Todos do interior do Estado ligados a Cid buscavam votos na Capital; Cid conseguiu que a cidade amanhecesse amarelinha – cor do candidato – o visual da cidade teria reflexo nas urnas e não deu outra.

Para jogar com Cid Gomes na política tem que conhecer bem números, estratégicas e o poder de aglutinar, sendo esse último, talvez, o maior poder do político que apesar de conciliador sabe desconhecer o adversário político – quando da apuração de votos.
Com informações do Sobral de Prima

MÉDICO, MESTRE E DOUTOR EM SAÚDE PÚBLICA ROBERTO CLÁUDIO É ELEITO PREFEITO EM FORTALEZA, DEMONSTRANDO A FORÇA DOS FERREIRAS GOMES NO CEARÁ


Conforme matéria do Diário do Nordeste, Roberto Cláudio teve apenas sete anos para se tornar prefeito de uma das maiores cidades cidades do País, ou seja, a 5ª capital maior do país. Com uma carreira política meteórica, conquistou um mandato de deputado estadual em 2006. Tornou-se um dos líderes do governo Cid Gomes na Assembleia Legislativa do Ceará.

Ganhou mais uma eleição, em 2010, para deputado estadual. Mandato de mais quatro anos que nem vai chegar a completar. Virou presidente da AL. E, agora, eleito, chega ao ápice da vida pública. Por enquanto, porque com um retrospecto desses, não dá para dizer onde o pequeno “Beto”, como é chamado carinhosamente pela família e amigos mais íntimos, poderá parar.

Em uma das suas entrevistas , o prefeito eleito de Fortaleza pelo PSB/PMDB, Roberto Cláudio, garantiu que, no seu primeiro dia de trabalho à frente da Prefeitura, percorrerá todos os postos de saúde do município para conferir a realidade, porque “vou botar todos eles para funcionar. Essa foi uma das promessas de campanha e vou cumprir”.

Roberto Cláudio disse também que as obras de mobilidade urbana para a Copa 2014 serão tocadas com maior celeridade. A ideia é montar um grupo de trabalho em parceria com o apoio do secretário especial da Copa para tratar desse setor.

O bilhete único, que promete facilitar a circulação dos passageiros pela cidade, tendo duas horas de graça, também consta entre as prioridades.

Em tempo: Em função da vitória de Roberto Cláudio, muitos amigos massapeenses, adeptos de Antonio José, Zezinho e Jacques, fizeram uma bela passesta pela ruas da cidade, inclusive com muitos fogos de artifícios.

28 de outubro de 2012

VIA ROBERTO MOREIRA, BLOG MASSAPÊ INDO E VOLTANDO ACOMPANHA OS ACONTECIMENTOS DA ELEIÇÃO EM FORTALEZA

Seis urnas foram substituídas em Fortaleza: Até às 11:00 deste domingo, cinco urnas eletrônicas haviam sido substituídas em Fortaleza. O Tribunal Reginal Eleitoral do Estado do Ceará (TRE-CE) afirmou que os equipamentos apresentaram falhas técnicas e foram prontamente trocados após os incidentes.
As substituições aconteceram nas 3ª, 82ª, 94ª, 113ª e 117ª zonas. O órgão declarou que o percentual de problemas com as urnas é bem pequeno, e que a votação permanece tranquila na Capital.
Oito pessoas são detidas em praça suspeitas de crime eleitoral: Oito pessoas foram detidas por crime eleitoral na praça do Dias Macedo, na manhã deste domingo. Segundo informações do Ronda do Quarteirão, os militantes estavam reunidos com bandeiras do candidato Roberto Cláudio. A Polícia Militar realizou a abordagem e conduziu o grupo à sede da Polícia Federal (PF).
Elmano de Freitas acusado de fazer boca de urna: Durante a manhã, o candidato do PT, Elmano de Freitas visitou alguns colégios eleitorais em Fortaleza. Ele cumprimentou eleitores e entrou nas seções. No Liceu do Ceará, houve um princípio de confusão. Militantes do PSB acusaram o candidato do PT de estar fazendo boca de urna.  A Promotora Joisa Maria Carvalho, da 3ª Zona Eleitoral, estava presente no Liceu e afirmou que irá denunciar Elmano por crime eleitoral.
Confusão entre militantes no Centro: No colégio 7 de Setembro, no Centro, militantes dos dois partidos que concorrem à prefeitura trocaram socos, tapas e pontapés. Também houve tumulto em frente ao Círculo Militar.  Nas duas ocasiões,  a Polícia Militar foi acionada para conter a confusão.

27 de outubro de 2012

DA “IDADE DA PEDRA” PARA “A FORÇA DO NOVO TEMPO”

Prezado amigo Aldenis Fernandes, por E-mail lhe enviei matéria intitulada “DA IDADE DA PEDRA PARA A FORÇA DO NOVO TEMPO”, postada gentilmente no seu blog dia 12 de outubro de 2012, sexta-feira. Entretanto, acidentalmente você postou erroneamente o título, da seguinte forma: “DA PEDRA PARA A FORÇA DO NOVO TEMPO”, omitindo o início da frase, qual seja, “DA IDADE”, de tal modo que, desconfigura o nexo do título com o contexto da matéria. Por favor, republique-a na íntegra, nos moldes desse E-mail. Muito obrigado. Ferreirinha.     

DA “IDADE DA PEDRA” PARA “A FORÇA DO NOVO TEMPO”
Parabéns aos mais jovens eleitos prefeito e vice-prefeita de Massapê, os primos carnais Antonio José Albuquerque e Kelvya Albuquerque, que conquistaram triunfalmente as eleições municipais de 2012, com expressiva e histórica vantagem de 1078 votos. O povo massapeense, desta feita, um “Rei com Memória”, sabiamente escolheu, para administrar sua cidade no quadriênio 2013/2016, dois jovens que se despontam na vida pública. Se para eles o primeiro e pequeno passo no universo político, para nós, um grande salto com relação ao progresso e bem-estar da atual e das futuras gerações. Tudo, no ciclo da vida, tem o seu tempo, isto é uma concepção naturalista. Após dezesseis anos no poder, a coligação “Do Povo para o Povo” se despede, diga-se de passagem, de cabeça erguida, quiçá, com a consciência do dever cumprido. Mas muito tem que ser feito, ainda. E essa é a bola da vez. Sob todos os aspectos sociais, esperamos avanços na saúde, educação, segurança, habitação, geração de renda e emprego, etc., não se esquecendo da nossa cultura, que sempre foi renegada ao longo do tempo. A seguir, faço algumas considerações e referências com conhecimento de causa, sobre a referida pasta. Uma secretaria da Cultura, que serve apenas e tão somente de cabide de emprego; que tem no seu quadro de pessoal, mais de dez funcionários e que apenas uns três bodes expiatórios batem cartão de ponto, é inconcebível. E os que marcam presença, ficam o dia inteiro, coçando o “sapo”. Os demais só aparecem no final do mês (lá no banco), para receberem seus proventos, pois que, têm outras atividades profissionais, portanto, sem tempo para conciliar dois e até três empregos, gerando, de tal forma, a famigerada concentração de renda. Enquanto os cargos de confiança neste país (nas três esferas) forem concedidos levando em consideração critério meramente político e não técnico, continuaremos sendo o país do futuro, só do futuro. A partir de 2013, espera-se a formação de uma equipe de colaboradores comprometida com o resgate da nossa rica cultura, que não se restringe apenas às festas juninas, carnaval, reisado e malhação do Judas. Depoimentos e entrevistas feitas em campo, com cidadãos de idade avançada e figuras folclóricas com o dom e a arte de contação de histórias, são necessárias, para trazer à tona, algo mais sobre os fatos e acontecimentos que chamaram a atenção dos massapeenses, e que ficaram registrados de forma verbal, na nossa história. Só para ilustrar: O Governo Preto, A Saga de Milton & Cléa, Cruz da Joana, Gruta da Nega, Aguiar X Cunha – O Confronto Fatal, Índios Tapuios & Olho D’água da Racha, Os Teixeira - Remanescentes de Quilombolas, etc., merecem a atenção do poder público, para o resgate e preservação da nossa cultura, através de apoio logístico com registros escritos e documentários em áudio e vídeo. A memória do nosso histórico e centenário município, está intrinsecamente correlacionada com a história do Brasil (pouquíssimas pessoas sabem disso). Em um dos meus seis livros escritos e não publicados – “Histórias que me contaram de Massapê”, eu descrevo, justificando com prova documental e material, que o 1º prefeito (e não o 1º intendente) de Massapê – Coronel João Arruda (1915 a 1918), é bisneto do português Amaro Dias Arruda – “O Patriarca dos Arruda no Ceará”. Em qualquer livro de História do Brasil, lemos:

Em 1807 Napoleão Bonaparte decretou o chamado Bloqueio Continental, que visava enfrentar e enfraquecer a Inglaterra. Nessa ocasião, Portugal era governado pelo regente dom João, que governava no lugar de sua mãe, dona Maria I, reconhecida como louca e, portanto impedida de governar. Coube a ele a decisão de manter o comércio com a Inglaterra e desobedecer ao Bloqueio Continental, dessa forma desafiando os anseios de Napoleão, pois, tal atitude significava a invasão de Portugal pelos franceses. Para o príncipe regente dom João existiam apenas duas possibilidades: A de permanecer em Portugal e ser dominado por Napoleão Bonaparte, ou refugiar para o Brasil, sua maior colônia. A ameaça de invasão determinou a escolha pela fuga de dom João e toda família Real e da sua Corte para o Brasil, antes da chegada do poderoso exército francês. Saído às pressas de Portugal, auxiliado pela Inglaterra, dom João veio para o Brasil acompanhado de mais de 10.000 ( * ) pessoas, entre elas: ministros, conselheiros, oficiais do Exército e da Marinha, comerciantes, membros da nobreza, entre outros. Foram usadas 8 naus, 5 fragatas e 30 navios mercantes para transportar toda essa gente, com suas riquezas, documentos, bibliotecas, coleções de arte e tudo mais que puderam embarcar. Em 22 de janeiro de 1808, após dois meses de viajem, chegaram primeiramente em Salvador e, em seguida, dirigiram-se para o Rio de Janeiro. E, no dia 7 de março de 1808, a pequena cidade Carioca foi transtornada pela invasão repentina de milhares de visitantes ricos e ilustres, que eram membros da Corte Real portuguesa e que fugiram do avanço das tropas de Napoleão na Europa”.

( * ) O português Amaro José Arruda – “O Patriarca dos Arruda no Ceará”, dentre àquelas 10.000 pessoas, foi um dos convidados especiais do rei Dom João VI para colonizar o Brasil, em 1808 se instalando a noroeste da então  província do Ceará, notadamente na margem direita do rio Raiz do Canto (desde 1907, margem direita do açude Acaraú-Mirim), na localidade denominada Oiticará, Massapê. Recebeu da Coroa Portuguesa títulos e mais títulos de terra, tornando-se senhor feudal, dono de vários escravos. Casas foram construídas num raio de aproximadamente 500 metros do monumento dos Arrudas, conforme nos deparamos com alguns alicerces. Uma das fontes de renda dos Arruda consistia no curtimento de couro, conforme catalogamos seis tanques de pedra, localizados próximos às suas residências.
Prova in contesti da influência portuguesa em Massapê, é a arquitetura em estilo colonial apresentada nas fachadas dos nossos casarões e solares, históricos e centenários. O prédio que abriga o Educandário Nossa Senhora do Carmo, dentre tantos outros, ao meu ver, é a “Jóia Rara” da arquitetura colonial massapeense, pela riqueza dos detalhes arquitetônicos.   
Vestígios da mão-de-obra escrava, atualmente em ruínas, é a cerca de pedra para demarcar divisas, localizada ao lado do Monumento Histórico, Cultural e Religioso dos Arruda no Oiticará, conforme foto abaixo.
Até nas lápides centenárias que se encontram em estado de abandono no cemitério São José, conhecido por Cemitério Velho, nos deparamos com a marca registrada da arquitetura européia. Jazigos em estilos clássico, colonial, gótico e arábico, nos faz lembrar uma herança do Velho Continente. Os cemitérios dos países desenvolvidos, com seus sepulcros suntuosos e a obra prima dos seus mausoléus, são atrações à parte  e estão incluídos no roteiro turístico dos visitantes que vão até ao Leste Europeu. Quanto aos nossos, bem que poderiam se tornar um patrimônio público e histórico do nosso município, não fosse o total desconhecimento cultural, que, por conseqüência, recai no precário estado de abandono. Uma vez abandonados pelas famílias, esses túmulos, podem, por lei, serem confiscados pela prefeitura. Se faz necessário aos nossos sepulcros abandonados, uma restauração, seguida de pintura, para exposição à visitação pública, não só no Dia de Finados, mas o ano inteiro. Seria, também, uma atração à parte.  
Nos primórdios da nossa cidade, as residências eram eqüidistantes uma da outra, formando-se pequenos povoados. Em 31 de dezembro de 1881 com a inauguração da estrada de ferro interligando Sobral, via Massapê até Camocim, os engenheiros, sabiamente fizeram o traçado da via férrea em linha reta, passando por onde hoje é o bairro Nossa Senhora de Fátima, com a construção da estação ferroviária ao lado da avenida senador Ozires Pontes, dando seqüência em linha reta sentido Senador Sá, pelo bairro Rodagem. Trajeto esse muito bem arquitetado pelos engenheiros, por questão de contenção de despesas, com economia de matéria prima, tempo, mão-de-obra e recursos financeiros, pois, não teria lógica alterar o traçado para passar pelo Oiticará (em forma de V), tornando o trecho da obra inviável financeiramente. Ocorreu que os moradores da região do Oiticará, notadamente os Arruda, migraram e se estabeleceram nas imediações da estação ferroviária, para usufruírem do progresso, dando início à concentração de um pequeno povoado. Não fosse isto, a localização da sede do município de Massapê, seria no Oiticará. A elevação do povoado à categoria de vila provém da lei nº 398, de 25 de setembro de 1897, com o nome de Vila da Serra Verde, tendo sido instalada a 5 de fevereiro de 1898, com a elevação à categoria de município, ou seja, se emancipando politicamente, tendo como 1º intendente o cidadão João Adeodato Ferreira (1898 a 1899). “Intendente” foi uma designação que até o final do século XX se deu aos chefes do poder executivo municipal, hoje prefeitos. 


Não é a toa que o primeiro prefeito de Massapê (nomeado), foi o coronel João Arruda, administrando nossa cidade no período compreendido de 1915 a 1918. João Arruda nasceu em Massapê, dia 04 de julho de 1877 e faleceu em Fortaleza-CE, dia 29 de março de 1949, aos 71 anos de idade.    
Placa em auto relevo no busto do coronel João Arruda: “A cidade de Massapê – ao seu primeiro prefeito iniciador do progresso do município”.

Filho do capitão Miguel Arruda, neto de João José Arruda e bisneto do português Amaro José Arruda (o patriarca dos Arrudas no Ceará), o prefeito coronel João Arruda, recebeu merecida homenagem póstuma na administração do prefeito Antony Frota Aguiar (nomeado em 1945 e eleito de 1951 a 1955), com seu busto, erguido na praça que leva o seu nome, até meados da década setenta mais conhecida por Praça da Estação, onde atualmente abriga o Parque das Crianças.
A árvore genealógica dos Arrudas, consta em auto relevo no monumento dos Arrudas, no Oiticará, restaurado em 25 de setembro de 2005, com missa campal celebrada por dom Antonio Fernando Saburido (5º bispo da diocese de Sobral) e padre Zenóbio Gomes da Silveira. Na alusiva comemoração, estiveram presentes as autoridades municipais, bem como, expressiva concentração de fiéis católicos massapeenses e de outras plagas.  
Oiticará: o alicerce de Massapê e o berço dos Arrudas no Ceará” -  (Ferreirinha).

Cultura, é também resgatar um passado ainda que longínquo, que remonta séculos, quiçá, milênios, conforme a existência de três sítios arqueológicos encontrados em Massapê: A Pedra do Sino e a Pedra da Viola, localizadas no Tucuns dos Arrudas; a Pedra do Pavão na localidade Terra Nova e o Paredão do Córrego da Onça, com inscrições e gravuras rupestres feitas pelos índios Tapuios.  
Enfim, como já dizia a letra de uma música da campanha vitoriosa, “é tempo de ter coragem e tomar decisão!” O cidadão massapeense, aguarda, ansioso, a instalação de um governo municipal, pautado pela força do trabalho e não pela retórica. Um povo se identifica pela sua cultura, daí a feliz combinação do título da matéria: Da Idade da Pedra para A Força do Novo Tempo.  
Raimundo Ferreira Sousa (Ferreirinha) – formado bacharel em Direito pela FMU/SP, é artista plástico, escritor e historiador.

26 de outubro de 2012

ATENÇÃO! APÓS APAGÃO, CONSUMIDOR TEM 90 DIAS PARA RECLAMAR

Qualquer cidadão que teve seu equipamento danificado devido à falha no fornecimento de energia, das 23 horas de ontem até às 2h da madrugada desta sexta-feira, deve procurar a distribuidora de energia até 90 dias para pedir o ressarcimento. A determinação é da Aneel. Em havendo a constação do fato, a distribuidora tem prazo de 45 dias corridos para ressarcir o consumidor.

Assim, dentro desse prazo, a concessionária tem até 10 dias para vistoriar o aparelho afetado, até 15 dias, após a inspeção realizada por um técnico especializado, para comunicar o resultado do pedido e mais 20 dias para efetuar o ressarcimento em forma de dinheiro, conserto ou substituição do equipamento.

Para eletrodomésticos usados na conservação de alimentos perecíveis, como geladeira e freezer, a vistoria deve ocorrer em até um dia útil, segundo a Aneel.
As distribuidoras devem atender o consumidor por telefone, internet ou pessoalmente. Se não houver atendimento satisfatório, o consumidor poderá recorrer à ouvidoria da Aneel pelo telefone 167 ou pelo site do órgão, aqui no blog Massapê Indo e Voltando.

APAGÃO CAUSA TRANSTORNOS À POPULAÇÃO MASSAPEENSE

Nós, os massapeenses, tivemos que acordar com a cara de ressaca. Assim como muitos municipios da zona norte do estado do Ceará. Sem dúvidas, a Coelce vai ter de receber muitas reclamações e, quem sabe, arcar com perdas e danos de aparelhos eletrodomésticos em detrimento às oscilações ocorridas durante o apagão, que durou pouco mais de duas horas.

Esse blogueiro, por exemplo, teve que desligar os aparelhos da tomada com receio de não amanhecer com mais dor de cabeça. No exato momento desta postagem, chega ao nosso conhecimento que dois cidadãos massapeeses tiveram prejuízos com aparelhos de suas residências. Afinal, quem vai arcar com tudo isso?

25 de outubro de 2012

MP CRIA SITE PARA RECEBER DENÚNCIA DE DESMONTE EM PREFEITURAS

Um novo mecanismo de fiscalização vai ajudar órgãos de controle a não deixar passar irregularidades em prefeituras pelo interior do Estado. Lançado anteontem (23) à tarde, a página “DESMONTE NAS PREFEITURAS”, dentro do site do Ministério Público do Estado (MPE), permite que cidadãos de todo o Ceará façam denúncias contra prefeituras com sinais de desmonte.

Para registrar as informações, o internauta deve preencher um formulário com dados pessoais como nome completo, CPF, e-mail, endereço e data de nascimento, além dos dados relativos à suposta irregularidade. O denunciante, que pode requerer anonimato no momento do preenchimento, precisa descrever os fatos e situá-los temporalmente.

O relatório segue para uma triagem realizada por equipe da Procuradoria de Justiça dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap). Aceita a denúncia, equipes do MPE e do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) serão enviadas aos municípios. Caso seja comprovada a situação de desmonte, o gestor pode ter de responder por crime de improbidade administrativa. Desde o início da semana, grupos do TCM e do MPE se revezam em visitas a municípios do Estado, escolhidos na sexta-feira, 19.
Conheça o site VIA BLOG ALDENIS FERNANDES e faça sua denúncia.
Com informações Opovo Online

ROBERTO CLÁUDIO E ELMANO EMPATADOS


Elmano e Roberto

Pelo que a gente pode observar, consoante pesquisa, a eleição de domingo em Fortaleza vai ser decidida em pequenos detalhes. O Ibope apresenta os números de intenção de voto na capital.

Roberto Cláudio (PSB) - 43%

Elmano de Freitas (PT) - 43%

Brancos e nulos 11% Não sabem ou não responderam – 3%

Já no levantamento anterior, realizado entre 15 e 17 de outubro, ois dois candidatos apareciam tecnicamente empatados, no limite da margem de erro da pesquisa, apontando Roberto Cláudio com 41%, e Elmano de Freitas com 39%. 

Os pesquisadores ouviram 805 eleitores em Fortaleza. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral com o número CE 00183/2012.

24 de outubro de 2012

CARO ESTUDANTE, VEJA AQUI NOVOS SIMULADOS PARA O ENEM 2012

Faltam apenas nove dias para o Exame Nacional de Ensino Médio 2012 (Enem), cujas provas acontecem nos dias 3 e 4 de novembro, e aqui no blog Massapê Indo e Voltando, via site do Globo veja um simulado das provas, uma força extra para os vestibulandos nesta reta final. Desde ontem, está no ar a nova rodada dos Simulados Enem 2012, com provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias, preparatória e exame de seleção do Ministério da Educação (MEC). Os estudantes que sonham com uma vaga no ensino superior de universidades públicas podem testar seus conhecimentos em www.oglobo.globo.com/educacao/simulados/ 
As provas foram elaboradas por uma equipe de professores com grande experiência da rede Pensi e do Sistema de Ensino GPI, observando as competências e habilidades cobradas no exame do MEC. Utilizando tecnologia desenvolvida pelo Colégio 24 Horas, cada etapa dos Simulados será dividida em duas provas de 30 questões, e o estudante terá duas horas para cada prova.

Quem fizer os Simulados nos primeiros cinco dias após o início (até o dia 28) poderá ter seu resultado avaliado pela Teoria da Resposta ao Item (TRI) e receber sua média de forma similar à que vem sendo adotada no Enem. Para obter o resultado de acordo com a TRI, é preciso fazer um pequeno cadastro. Quem quiser apenas contabilizar seus erros e acertos não precisa se cadastrar. A primeira etapa, que incluiu ciências da natureza e suas tecnologias, e ciências humanas e suas tecnologias, continua disponível.

Este ano, 5,7 milhões de estudantes no Brasil todo confirmaram a inscrição no Enem, única forma de acesso à maioria das universidades federais do país, como UFRJ, Unirio, UFF e Rural. O Professor Rafael Cunha, diretor de ensino da rede Pensi, alerta para os diferentes tipos de texto que aparecem na prova de linguagens.

— Telas, fotografias, tirinhas e letras de músicas aparecem com frequência nesse tipo de prova, e suas análises devem ser treinadas pelo aluno — aponta Cunha.

Já o professor Marcio Cohen, diretor do Sistema de Ensino GPI, frisa a importância que o Enem dedica a gráficos e tabelas na prova de matemática:

— São questões que costumam ter muitas informações, e o aluno precisa praticar a identificação exata dos dados necessários para a solução do problema.

As provas têm uma versão tradicional e outra desenvolvida para quem quiser usar tablets ou smartphones. Antes de iniciar o Simulado, o aluno pode optar pela versão que desejar. Além disso, pode baixar a prova e resolvê-la sem estar conectado à internet.

No outro ambiente interativo lançado pelo GLOBO, os estudantes têm acesso a Videoaulas preparadas por professores do Colégio e Curso _A_Z. No conteúdo multimídia, eles explicam a resolução das principais questões da última edição do Enem. Divididas nas quatro áreas cobradas no exame (Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Matemáticas), além da Redação, as videoaulas entram no ar alternadamente em www.oglobo.com.br/infograficos/enem-video-aulas/, de segunda a sexta-feira, até a véspera do Enem 2012. Já estão no ar 29 videoaulas.
Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial