Segunda,11 de dezembro 2017: Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado

29 de maio de 2009

CID GOMES LIBEROU R$ 5,7 MIL PARA CIDADES ATINGIDAS POR CHUVA

O governo do Ceará já liberou um total de R$ 5,7 milhões em verba emergencial para os municípios atingidos pelas chuvas em todo o Estado, segundo informações do governo estadual.
Os municípios que tiveram recursos disponibilizados pelo Estado foram Granja, Morada Nova, Jaguaruana, Crateús, Caridade, Canindé, Marco, Santana do Acaraú, Pacujá, Limoeiro do Norte, Itarema, Icó, Chaval, Coreaú, Itaiçaba, Itapagé, Itapiúna, Morrinhos, Quixeramobim, Sobral, Moraújo, Acaraú, Bela Cruz e Russas.
Quatro municípios atingidos pelas chuvas da região do Vale do Jaguaribe foram visitados pelo governador Cid Gomes, que anunciou que liberará R$ 200 mil para ações emergenciais na cidade de Russas. Ao todo, Itaiçaba, Jaguaruana, Russas e Morada Nova contabilizam 11.810 desabrigados e 11.920 desalojados.
Para o governador, a situação de Jaguaruana, que já tem disponibilizados R$ 400 mil para ações de emergência, é a mais complicada. Em Russas, onde a intensidade das chuvas vem diminuindo, cerca de 50 famílias permanecem em abrigos.
Também já foram distribuídas mais de 734 mil toneladas de alimentos e mais de 66 mil itens - entre colchões, roupas, lençóis, cobertores, kits de limpeza, toalhas, filtros e mosqueteiros - foram doados para várias regiões do Estado.
Fonte: Agência Estado

TRANSPARÊNCIA

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou lei complementar que obriga os governos federal, estaduais e municipais a tornarem disponíveis na internet receitas e gastos. O texto determina a disponibilização, em tempo real, de informações sobre a execução orçamentária e financeira da União, Estados, Distrito Federal e municípios. Um dos objetivos é dar transparência à administração pública, além de incentivar a participação popular e a realização de audiências públicas na elaboração de planos e diretrizes orçamentárias.
Os entes(aquilo que existe) federativos terão de disponibilizar o acesso a informações, para qualquer pessoa física ou jurídica, sobre a execução de despesas (bem ou serviço fornecido, nome do beneficiário do pagamento, processo licitatório) e a arrecadação (lançamento e recebimento de toda receita, inclusive recursos extraordinários).
A lei também diz que, para assegurar a transparência na gestão fiscal, deve haver incentivo à participação popular na elaboração dos orçamentos públicos, com a realização de audiências públicas, e adoção de sistema integrado de administração financeira e controle.
A lei prevê prazos para os entes federados colocarem a medida em prática: um ano para União, Estados, Distrito Federal e cidades com mais de cem mil habitantes, dois anos para municípios de 50 a 100 mil habitantes e quatro anos para cidades com até 50 mil habitantes.
Fonte: Uol Notícias.
MEU PONTO DE VISTA: Parabéns ao nosso presidente que demonstra ser um homem público e se deixa atravessar pela luz da verdade permitindo o cidadão à clareza do dinheiro público que deve ser respeitado pelos nossos gestores.
É de grande alvitre essa lei e que trará mais forças aos nossos representantes legislativos a fiscalizarem o Poder Executivo.
Caro leitor do blog Aldênis Fernandes, o texto já foi publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira(28), e o gestor que não divulgar as informações poderá ter "congelado" o repasse de verbas federais.
E atenção: Qualquer cidadão, partido político, sindicato ou associação pode denunciar aos tribunais de contas e Ministério Público quem não estiver cumprindo a lei.
Fica, aqui, um alerta, principalmente aos nossos vereadores que tanto têm reclamado da falta de prestação de contas do Municipio, inclusive os balancetes que não são enviados à Casa Legislativa em tempo necessário. Legislar significa ordenar ou preceituar por lei, fazer leis, exigir que sejam cumpridas. Além dessa função, compete também ao poder legislativo fiscalizar o Poder Executivo e julgá-lo, quando for o caso.
Se o legislador se diz representante do povo, e é o que ouço quando vou à Camara de Massapê, deve fiscalizar, expor à vista, pôr às claras, aquilo que é do povo, mesmo sendo ligado ao Prefeito.
O Estado Democrático de Direito é baseado na independência e na soberania de cada um dos três poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário. Pressupõe-se que os poderes devem trabalhar para o desenvolvimento do país. Para assegurar o cumprimento dos princípios constitucionais, cada um dos poderes deve exercer suas atribuições, sem abrir mão de suas responsabilidades.

26 de maio de 2009

UMA PALAVRA DITA NUM MOMENTO ERRADO PODE CAUSAR UM ROMPIMENTO

ACONSELHO AOS LEITORES DESTE BLOG, PRINCIPALMENTE OS CASAIS, REFLETIREM UM POUCO O ARTIGO ABAIXO:
Quem não se lembra da primeira briga entre casal de namorados? O desentendimento se torna um crescendo e pronto! Começam os impropérios, as verdades desmascaradas! Surge a raiva ou então, ela é o estopim da discussão. A pessoa amada sai bufando, liga o carro e dá partida cantando os pneus.
O que fazer quando o casal briga? No caso, o desentendimento floresce, quando há muito sentimento de raiva contido. Ou então descontentamento com o comportamento do outro. Há também muito orgulho envolvido nesta trama de desentendimento.
Como trabalhar a raiva e a crítica na hora da briga? Ninguém gosta de ser criticado. O ser humano tem o desejo de ser sempre apreciado e aceito. Num casal, o comportamento do outro às vezes, pode magoar ou ferir.
Quando você estiver com muita raiva do parceiro(a), evite uma discussão acalorada. Excesso de ira pode provocar mais raiva. Neste momento, um pode magoar o outro com palavras ásperas ou ofensivas. Isso em nada resolve a causa da discussão.
Conversar seria a solução ideal. No entanto, o ser humano é instável nas suas emoções.Às vezes, discutimos numa hora em que o namorado(a) ou companheiro(a) está cansado, nervoso ou preocupado. Aí, ele pode devolver as ofensas com mais ofensas. Neste momento de ânimos acalorados, mantenha a calma. Vá para casa e pense melhor sobre o assunto.
Há uma diferença muito grande em dizer: “Estou com raiva de você. “ e falar a mesma frase num tom de voz alto, irado misturado a gestos descontrolados. Violência gera violência.
Não reprima sua raiva. Não fique guardando para depois seu desagrado. A insatisfação num casal, se for ignorada, poderá crescer e se manifestar numa briga carregada de mágoa.
Algumas pessoas são muito exigentes com a pessoa amada. Brigam por qualquer motivo ou qualquer detalhe. A pessoa amada pode se sentir desmotivada e desvalorizada. “Nada que eu faça, ele(a) repara ou elogia. Só ele(a) é perfeito(a)!”- desabafa a pessoa. Geralmente, são homens ou mulheres que tiveram uma infância com pais muito autoritários ou repressores. Crescem e amadurecem sendo muito duros consigo mesmos. Projetam no outro toda a carga de exigência e baixa auto- estima.
Há também um problema chamado de distimia. Constante mau humor pode mascarar um problema psicológico que precisa ser investigado.
Uma boa dose de tolerância e compreensão pode evitar brigas desnecessárias. Aceitar o outro é aceitar a si mesmo.
Tolerância não é passividade ante o erro do outro. É compreender que a pessoa amada não é o príncipe encantado. É um ser humano cheio de carências, acertos e erros. O perdão transforma a raiva em compreensão madura. Perdoe de verdade. Senão for um perdão sincero, o resultado da briga poderá se transformar em ressentimento. O ressentimento deixa a pessoa com a memória viva ante os erros passados: “Lembra-se daquele dia que você fêz isso e aquilo?” despeja o homem ou a mulher. A raiva não passou.
Num relacionamento saudável, a briga entre o casal pode servir como um termômetro. Um desabafo onde os dois vão se conhecendo e aparando as arestas. Nem sempre a mulher ou o homem costumam se abrir quando estão insatisfeitos. Isto gera desconforto. “Engulo tudo calada(o), senão ele(a) termina comigo.” “Não gosto de brigar, prefiro ignorar o que ele(a) fêz.” Este comportamento vai gerar mais insatisfação entre o casal. E esta insatisfação vai se refletir na vida sexual e social dos dois.
Muitas brigas por motivos fúteis podem estar mascarando outros problemas na estrutura do relacionamento: dificuldades sexuais, problemas financeiros, falta de amor ou mesmo uma traição. Alguns casais fazem um jogo que pode ser até inconsciente. Depois da briga, o relacionamento íntimo fica mais apimentado. Parece que o relacionamento fica mais quente. Será? No entanto, para um casal que ainda se ama, brigar, às vezes, pode acertar muitos desencontros e dificuldades.
Na hora da briga, tente se acalmar. Quando o outro elevar a voz ou gritar, não faça o mesmo. Abaixe o tom da sua voz. Isso desconcertará a pessoa amada. Jogo de forças não leva a resultado positivo. Gritar mais alto do que a pessoa amada gera mais briga.
Havia um casal que tinha sempre brigas apimentadas e costumavam se agredir fisicamente. Era sempre assim: tapas e tapas. Com o tempo, o amor acabou e eles se separaram.
Não permita a falta de respeito e nem o uso de palavrões durante a briga. Se você permitir uma vez que seja, será sempre assim. No entanto, nem sempre na hora da briga, com os nervos à flor da pele, as emoções estão sob controle. Se você errou, reconheça o erro imediatamente. Pedir desculpas é nobre.
Sinceridade sempre na maneira de expor os sentimentos.
Deste modo, haverá sempre paz e amor, após a tormenta.
Brigas de Mais, Brigas de Menos…
Muita gente conhece - ou já se viu nesta situação - casais que não param de brigar. Brigam pela escolha do filme, do restaurante, por causa da bagunça, do carro, da roupa, de tudo. Em outra ponta, há casais que não brigam nunca, parecem viver constantemente em harmonia.
Não existe uma “freqüência ideal” ou “normal” para brigar, obviamente, mas não necessariamente a ocorrência de muitas brigas é um mau sinal, assim como a ausência delas pode não apontar para um “felizes para sempre”.
“Tem casal que briga por qualquer coisa, como se fosse um padrão da relação. Na verdade, não estão se aprofundando. É um vício, que não tem mágoa, ressentimento. Acabou o episódio de uma briga no supermercado, brigam pelo cardápio, depois por filme. É um padrão edificado. Desde que não levem à mágoa, ressentimentos, a um ficar sem olhar pra cara do outro, tudo bem. Mas é um vício até contornável”, define a psicóloga e terapeuta sexual Margareth dos Reis.
Segundo ela, pior pode ser o casal que “não briga nunca”. Isso pode significar superficialidade. “Quando não se briga também não se discute nada, a relação pode ser muito pobre, fica tudo na individualidade, não se divide nada. De repente, não discutem nunca, aí têm uma única briga e se desestabilizam, já pensam em se separar, o que pode ser mágoa guardada. Brigar pode ajudar a melhorar o relacionamento ou acabar com ele.” Fonte: Terra Relacionamento

20 de maio de 2009

POSSÍVEL REDUÇÃO DE SÁLARIOS CAUSA PÂNICO A FUNCIONÁRIOS PRESENTES À CAMARA MUNICIPAL DE MASSAPÊ

Em meio à forte crise financeira, o prefeito de Massapê, João Pontes, ultrapassou todos os limites cabíveis a um gestor do dinheiro público. Na sessão ordinária de segunda-feira, dia 18, foi propagada pelos senhores vereadores da situação e oposição da possível redução de salários de funcionários da Prefeitura, o que causou pânico aos professores presentes na Câmara, quando ali reivindicavam aumentos de salários, cujos valores estão defasados em função do piso salarial.
A reportagem do blog “Massapê indo e voltando” esteve presente, mostrando e registrando os fatos na hora em que eles acontecem. E, na realidade, foi uma das melhores sessões realizadas até o momento, muitos funcionários, muitos populares, representantes do judô massapeense, enfim muito participativa.
Várias solicitações, cobranças, denúncias, exigências de respostas de requerimentos ao prefeito por parte de vereadores da oposição.
Os fatos que mais chamaram atenção: renúncia do vereador Paulo Vagalume como líder do prefeito na câmara, da redução de salários por parte do prefeito e a denúncia dos vereadores Dr. Estevão e Paulinho do Frigorífico que acusaram a prefeitura de ter vários carros agregados e com valores altos e de veículos agregados sem estarem prestando serviços ao Município, o que é mais sério!
Sobre a provável reunião ou encontro do prefeito com alguns vereadores da situação com o objetivo de discutir cortes de gastos, reduzindo os salários de servidores, isso é inconstitucional e fere frontalmente o Art. 37 da Constituição Federal, salvo engano!
Certamente, se o prefeito enviar mensagem à Câmara sobre este assunto, tanto os vereadores de oposição e situação não vão acatar.
A prefeitura de Massapê vive em dilemas: impedida de receber recursos federais por estar inadimplente com o Governo Federal; problemas com a Caixa Econômica Federal como foi abordado ontem na Câmara; vereador Paulo Vagalume entregando cargo de líder do prefeito e prefeito querendo reduzir vencimentos de funcionários.
A coisa está meio complicada, “falta planejamento no município de Massapê,” foi o que disse a vereadora Kélvya Albuquerque, referindo-se a esses difíceis problemas.
Enquanto a situação que se aponta para o futuro do funcionalismo é das mais graves, o SINDSEMMA (Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras no Serviço Público Municipal de Massapê), realizou e, agora mais ainda, vai realizar encontros e reuniões com o prefeito para impedir esse golpe contra os servidores. É necessário que os funcionários, os servidores, os professores de Massapê, se mobilizem para impedir que os absurdos resultados da crise econômica mundial recaia sobre a classe trabalhadora. Na hora de gastar dinheiro em campanhas, de terem colocado muitos funcionários de forma exacerbada, tanto que têm escolas municipais cheias de professores sem nada fazerem, não pensaram no que poderia acontecer no futuro? O momento de buscar soluções para os problemas é agora.

14 de maio de 2009

MUNICIPIOS CEARENSES IMPEDIDOS DE RECEBER VERBAS DO GOVERNO FEDERAL, INCLUSIVE MASSAPÊ

Acessando o site consulta.tesouro.fazenda.gov.br/Siafi (Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal), encontrei vasta relação de municípios cearenses impossibilitados de receber verbas federais. O estado do Ceará é composto de 184 municípios, e lamentavelmente, 143 estão impedidos de receber recursos federais por estarem inadimplentes com o Governo. Um dos ministros do governo, o senhor Márcio Fortes, chegou afirmar de não ter condições de ajudar as vítimas das enchentes no Nordeste e principalmente no Ceará devido a inadimplência.
É uma tremenda falta de responsabilidade e respeito para com seus munícipes. Grandes cidades do Ceará estão na lista dos irresponsáveis. Graças a Deus que o maior municipio da zona norte, Sobral, não está nessa relação.
Mostro, abaixo, algumas das cidades vizinhas da gente que hoje estão proibidas legalmente de receber verbas do Governo Federal e, para variar, Massapê está no meio.
A ordem é assim: primeiro é o municipio, segundo a quantidade de verbas recebidas e por fim, quantidade de inadimplência.
MUNICIPIOS:
ALCÂNTARAS 09 04
CAMOCIM 09 04
COREAÚ 12 01
GROAÍRAS 09 04
GRANJA 11 02
MARCO 09 04
MARTINóPOLES 10 03
MASSAPÊ 08 05
MERUOCA 10 03
MORAÚJO 08 05
MORRINHOS 11 02
SANTANA DO ACARAÚ 11 02
SENADOR SÁ 11 03
SOBRAL 13 00
URUOCA 13 00

9 de maio de 2009

RECORD CONTRATA ANA PAULA PADRÃO

Depois de Globo e quatro anos no SBT, a Rede Record divulgou a contratação de Ana Paula Padrão, que vai dividir a bancada com Celso Freitas na apresentação do Jornal da Record pelos próximos quatro anos, já que Adriana Araújo vai para os Estados Unidos. "A única coisa que eu quero agora é um mês de sossego. Eles insistiram quiseram que eu assinasse agora, e eu assinei. Agora preciso de um tempo, disse Ana Paula.
A apresetadora ainda mantem o estilo Rede Globo. E é com esse rosto que a Record pretende ampliar seu embate com o Jornal Nacional, que em setembro comemora 40 anos.
A jornalista contou que foi uma decisão "difícil", pois relutava em voltar a fazer a função que exerceu por anos na TV Globo: apresentar telejornal. Segundo ela, seu marido, Walter Mundell (economista), influenciou em "80%" a decisão. "Nós íamos a um restaurante, por exemplo, e o garçom perguntava quando eu ia voltar a apresentar jornal. Íamos à feira, a mesma coisa... Um dia, o Walter parou e disse: 'Ana, escuta, isso é o mercado te chamando, dizendo que quer você de volta'. E ele tinha razão. Eu vi que tinha motivos para voltar: o mercado pediu", relata.
MEU PONTO DE VISTA: A contratação de Ana Paula Padrão faz parte de mais uma etapa de altos investimentos da Rede Record no Departamento de Jornalismo, que busca acompanhar os padrões investidos pela Globo.
Com a contratação da apresentadora, o jornal da Record vai bater de frente com o Jornal Nacional, que completa 40 anos em setembro, e já começa a apresentar mudanças na dinâmica de apresentação.
O noticiário já investe num tempo maior para a entrada ao vivo dos repórteres e em comentários do casal Willian Bonner e Fátima Bernardes.
Pelo que vejo, Band, Globo e Record estão investindo em seus noticiários, renovando suas linguagens, deixando-os mais dinâmicos e atrativos.
Temos, evidentemente, grandes jornalistas e apresentadoras que se destacam, como Ana Paula Padrão (minha preferida, entre todas), Adriana Araújo (Record), Cristiane Pelajo (Globo), Renata Vasconcelos (RedeTV), Sandra Annenberg (Globo), Ticiane Villas Boas(Band, a mais bonitas de todas) etc.
A Rede Record vem se estruturando fortemente para tornar-se uma grande emissora com padrão de Rede Globo, que se firmou sobretudo a partir de 73 com a chegada no Brasil da televisão colorida. Outrora, a Record era apenas uma sombra para a Globo, hoje é uma realidade que vem assustando vertiginosamente a sua maior concorrente.

3 de maio de 2009

DISTRITOS E LOCALIDADES DE MASSAPÊ PEDEM SOCORRO

Os moradores de Tapera Alta, Tapera Baixa, Tuína, e outras localidades da zona rural de Massapê permanecem ilhadas e sem assistência. Foi o que disse a agricultora Maria Geovania do Nascimento, 40 anos, que mora na localidade de Tapera Baixa. “Há mais de duas semanas meus filhos estão sem poder ir à aula devido às chuvas. Estamos precisando de ajuda, que não chegou ainda”.
A Defesa Civil informou que uma ponte que ligava as localidades de Massapê a Tuína foi arrastada pela águas, o que dificulta a ajuda a essas famílias. O Corpo de Bombeiros tem orientado as pessoas para evitar passar por locais alagados para evitar acidentes. Até o início da tarde de ontem, o Corpo de Bombeiros já havia registrado 6 mortes por afogamento, 3 somente em Sobral.
Após sobrevoar municípios da região Norte na última quinta-feira, o governador Cid Gomes anunciou que o Estado está pronto para ajudar as cidades que sofreram graves prejuízos com as enchentes. Os prefeitos têm até a próxima segunda-feira para enviar à Defesa Civil um relatório informando a situação das inundações. Os recursos, segundo ele, serão de R$ 23 milhões, sendo que R$ 3 milhões virão dos cofres do Estado e o restante, do Governo Federal.
Os municípios que receberão os recursos são: Aurora, Alto Santo, Barro, Bela Cruz, Brejo Santo, Caririaçu, Cariús, Cedro, Crateús, Crato, Granja, Hidrolândia, Icó, Iguatu, Independência, Ipaporanga, Itapipoca, Itatira, Jaguaribe, Jati, Juazeiro do Norte, Lavras da Mangabeira, Mauriti, Missão Velha, Mombaça, Novo Oriente, Pacujá, Parambu, Penaforte, Pentecoste, Porteiras, Quiterianópolis, Quixelô, Quixeramobim, Santa Quitéria, Tauá, Taboleiro do Norte, Tianguá, Ubajara e Uruoca.
Fonte: Sobral Portal de Notícias.
MEU PONTO DE VISTA: Pela informação acima, nota-se que a cidade de Massapê não está inserida à lista das cidades que vão receber recursos oriundos dos governos federal e estadual. É de extrema importância que o prefeito de Massapê aja para resolver a situação destas pessoas, definindo estratégias para ajudar os desabrigados. Não sei se o sr. João Pontes decretou Estado de Emergência no município de Massapê. Centenas de pessoas estão em situação de risco por causa da cheia, que isolou várias comunidades, sobretudo nas vicinais, onde a situação é bastante crítica.
De acordo com informações fornecidas por motoristas, ciclistas e pedestres, a ponte que liga Massapê à Tuina está literalmente rachada e a qualquer momento pode ir por água abaixo deixando intransitável às pessoas que trafegam nessa estrada. Solicitamos providências urgentes.

GRIPE SUÍNA

É uma doença infecto-contagiosa ocasionada por uma variante do vírus influenza A H1N1.
Também denominada Gripe Mexicana, Gripe Norte-Americana, Influenza norte-americana ou Nova Gripe.
A transmissão pode ocorrer pelo contato com animais infectados (porco-homem) e também entre humanos (homem-homem). Até o momento não foi registrado nenhum caso de contaminação por contato com animais mas somente pelo contato entre humanos.
O consumo de carne de porco não acarreta doença, uma vez que o vírus é inativado pelo calor. Esta afecção está sendo considerada epidêmica no México, onde o governo já anunciou 149 mortes confirmadas causadas pelo H1N1 e 1600 casos suspeitos, levando a Organização Mundial da Saúde a declarar que a doença é uma “emergência na saúde pública internacional” com grandes chances de tornar-se uma pandemia.
A contaminação se dá da mesma forma que a gripe comum, por via aérea, contato direto com o infectado, ou indireto (através das mãos) com objetos contaminados.
Assim como a gripe humana comum, a suína apresenta os sintomas: febre, cansaço, fadiga, dores pelo corpo, tosse e ainda sintomas característicos como diarreia ou vômitos.
Os criadores de porcos querem mudar o nome da doença de gripe suína, para gripe mexicana, devido ao surto da doença ter ocorrido no México. Eles reivindicam que o nome deve ser mudado pois os criadores temem que haja impacto negativo nas vendas de carne de porco, embora já seja certo de que o consumo de carne suína não transmite a doença.
Fonte: Site Curiosidades.
MEU PONTO DE VISTA: De fato, o mundo está contaminado por tantas doenças: cólera, câncer, lepra, analfabetismo, desnutrição, fome, miséria, pobreza, racismo, opressão etc. Não somente doenças físicas, mas também doenças sociais, que poderiam ser eliminadas se houvesse mais justiça e solidariedade.
De onde vem tantas doenças? Por muito tempo, o homem vem tentando achar uma resposta para esta eterna pergunta da humanidade e por mais que seja dito, não se tem muita clareza sobre isso.
Entendo que as doenças são criadas pelo homem e não por Deus. Até certo ponto, parte da humanidade é "criadora de coisas negativas". Doença é como treva e saúde e como luz. podemos afirmar que pelo ação do ego humano o ser humano cria suas coisas negativas, suas trevas. O ego humano é o grande criador das coisas negativas. O próprio Jesus, afirmava esta visão através da expressão: "O dominador deste mundo", ou seja, todo aquele que domina todo o mundo humano, "é o poder das trevas e tem poder sobre vós". Em outras palavras, o nosso ego humano é o grande causador dos nossos problemas e doenças. Depois disto, Jesus acrescenta que "Sobre mim, ele não tem poder, por que eu já venci este mundo". Por lê um pouquinho a Bíblia, entendo assim.
Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial